Publicidade

Conceitos de gestão

Conceitos de gestão 

  • Natureza da gestão,
  • O significado de gestão e
  • Importância da gestão.
  • Funções gerenciais.
  • Processos gerenciais.
  • Habilidades gerenciais.
  • Funções gerenciais nas organizações.
A gestão é um conjunto de processos que mantêm uma organização funcionando. Os processos são sobre planejamento, orçamento, contratação de pessoal, esclarecimento de cargos, medição de desempenho e solução de problemas quando os resultados não saem conforme o planejado.

INTRODUÇÃO À GESTÃO 

SIGNIFICADO DA GESTÃO 

A gestão é essencial em todos os esforços organizados .
A administração é o elemento dinâmico e vivificante em toda organização
A gestão é um elemento crítico no crescimento econômico de uma sociedade/país.

ORGANIZAÇÃO 

Quando duas ou mais pessoas trabalham de forma estruturada para atingir um objetivo específico ou um conjunto de objetivos.

O QUE É UMA ORGANIZAÇÃO? 

  A organização é um arranjo deliberado de pessoas para realizar alguma tarefa ou tarefas específicas. 

Propósito Distinto 
Estrutura deliberada 
Pessoas

METAS OU OBJETIVOS 

O objetivo que uma organização se esforça para alcançar.

DEFINIÇÕES DE GESTÃO  

  Há tantas definições quantos números de autoridades neste campo. 
De acordo com Mary Parker Follet: “ A arte de fazer as coisas através dos outros. ”
De acordo com George R. Terry: “ Gestão é um processo de planejamento, organização, atuação e controle realizado para determinar e atingir os objetivos pelo uso de pessoas e recursos.     
Definição do processo de gestão 

Orientado para a produção ou eficiência
Orientado para a decisão
Pessoas orientadas
Orientado à função
Orientado para a produção 
De acordo com a gestão de Taylor definir como um
“Gestão é a arte de saber o que você quer fazer e depois ver que é feito da melhor e mais barata forma.”
Orientado para a decisão 
“A administração é simplesmente o controle sobre a ação dos seres humanos com o propósito expresso de atingir objetivos pré-determinados.” 
Pessoas orientadas 
Lawrence appley define gestão como “gestão é a obtenção de resultados através dos esforços de outras pessoas”.
De acordo com Koontz, “gerenciar é a arte de fazer as coisas através e com pessoas em grupos formalmente organizados”.
Orientado para a função 
Segundo Henry Fayol “administrar é prever e planejar, organizar, coordenar e controlar”.

Em palavras simples de van Flrt & Peterson 
“gestão como um conjunto de atividades dirigidas à utilização eficiente e eficaz de recursos na busca de um ou mais objetivos. 

Recursos financeiros 
Recursos físicos metas 
Recursos informativos 
Recursos Humanos 
Atividades gerenciais 
Utilização eficaz e eficiente

COMENTÁRIOS SOBRE A NATUREZA DA GESTÃO 

A gestão não é apenas uma arte – é também uma ciência.
Os gerentes são obrigados a fazer mais de uma função.
Os gerentes também desempenham funções não gerenciais.
As funções gerenciais são feitas em todas as organizações.
As funções gerenciais são executadas em todos os níveis.
As funções de gerenciamento foram definidas usando diferentes tipos e diferentes números de palavras.
O objetivo de todos os gerentes é criar um excedente.
Gerenciar está preocupado com eficiência, eficácia e produtividade.
 
Natureza da gestão 
1. Multidisciplinar
2. Natureza dinâmica dos princípios
3. Princípios relativos, não absolutos
4. Ciência ou arte da administração
5. Gerenciar uma profissão
6. Universalidade da gestão
7. A gestão é um processo integrador
8. A gestão é necessariamente baseada em atividades

Característica de gerenciamento 
1. É um processo
2. É um processo social
3. Esforços do grupo
4. Atingimento do objetivo pré-determinado
5. É uma entidade distinta
6. É um sistema de autoridade
7. Universalidade da gestão
8. É necessário em todos os níveis
9. É uma disciplina
10. É um processo integrador
11. É uma arte e também uma ciência
12. É uma profissão
 
Importância da gestão 
1. Alcance dos objetivos do grupo
2. Minimização de custo
3. Mudança e crescimento
4. Funcionamento eficaz e tranquilo dos negócios
5. Maior lucro
6. Fornecer inovação
7. Benefícios sociais
8. Utilização eficaz de recursos
9. Desenvolvimento de recursos
10. Estrutura de organização de som
11. Útil para países em desenvolvimento
12. Integração de vários grupos de interesse
13. Estabilidade na sociedade

 

VISÃO DE SISTEMAS DE ORGANIZAÇÕES 

  As organizações podem ser consideradas como sistemas abertos que interagem continuamente com o ambiente externo.
O ambiente externo é tanto um fornecedor de recursos quanto uma fonte de consumidores e
influencia significativamente as operações e os resultados.

 
VISÃO DE SISTEMAS DE ORGANIZAÇÕES 
# OPORTUNIDADES
# AMEAÇAS 
     RECURSO
        ENTRADAS 
Terra do dinheiro
Energia de Materiais
Informações de Máquinas
Gerenciamento de métodos
Homens 
        SAÍDAS
Produtos acabados
e/ou serviços,
Outros 
TRANSFORMAÇÃO
PROCESSO
Os fluxos de trabalho mudam
recursos em
saídas 
Suprimentos 
   Meio Ambiente 
A organização cria 
Consome 

ENTRADAS DE OBJETIVOS DOS PARTICIPANTES

Investidores/Clientes/Funcionários/Fornecedores/Sociedade/Governo 
Comentários do consumidor

DESEMPENHO ORGANIZACIONAL 

PRODUTIVIDADE, EFICIÊNCIA E EFICÁCIA 
Recursos e clientes são dois elementos críticos da visão de sistema aberto das organizações.
Para o sucesso organizacional, os recursos devem ser bem utilizados e os clientes bem atendidos.
A necessidade de criação de valor é vital neste contexto.
O valor é criado quando os recursos são utilizados da maneira certa, no momento certo e com custo mínimo.

DESEMPENHO ORGANIZACIONAL. 
 
Se as organizações agregam valor ao custo original dos insumos, então:
   1) organizações empresariais ganham lucro
   2) organizações sem fins lucrativos agregam riqueza à sociedade.
Todas as organizações utilizam uma variedade de medidas de desempenho.                             
DESEMPENHO ORGANIZACIONAL 
Produtividade 
 
A produtividade é um dos indicadores mais comuns de desempenho.
A produtividade é definida como o valor global dos bens e serviços produzidos dividido pelo valor dos insumos necessários para gerar esse produto.              
A produtividade também está ligada à eficiência e eficácia

DESEMPENHO ORGANIZADO 
        Eficiência e eficácia
Eficiência é a relação entre entradas e saídas – minimizando os desperdícios e, portanto, o custo dos recursos.
Eficácia é uma medida de alcance de metas.
Resumindo: AS ORGANIZAÇÕES PRECISAM FAZER AS COISAS CERTAS DA MANEIRA CERTA
 
    DESEMPENHO ORGANIZACIONAL 
          Matriz Eficiência-Eficácia 
INEFICIENTE E INEFICAZ
Metas não alcançadas
Recursos desperdiçados
Baixa receita e alto custo
Perda
 
 
EFETIVO E EFICIENTE
Metas alcançadas
Recursos bem utilizados
Boa receita e baixo custo
Bom lucro
 
EFICAZ, MAS INEFICAZ
Metas alcançadas
Recursos desperdiçados
Boa receita, mas alto custo
Lucro ou perda marginal
 
EFICIENTE, MAS INEFICAZ
Metas não alcançadas
Sem desperdício de recursos
Baixo faturamento e baixo custo
Lucro ou perda marginal
 
META
ATENDIMENTO  
ALTO 
BAIXO 
POBRE 
BOA 
UTILIZAÇÃO DE RECURSOS

FUNÇÕES DE GESTÃO 

A estrutura mais bem aceita para entender a gestão é dividir as funções de gestão em seus processos constituintes:
PLANEJAMENTO
ORGANIZAÇÃO
PESSOAL
CONDUZINDO
CONTROLADOR
A gestão é referida como um processo para enfatizar que TODOS os gestores se envolvem em determinadas atividades INTER-RELACIONADAS para atingir o objetivo desejado.
 
PLANEJAMENTO 
   É A FUNÇÃO QUE DETERMINA O FUTURO CURSO DE AÇÃO. ENVOLVE:
Definir missões, metas e objetivos.
Formulando a estratégia para alcançar o acima.
Atender os 5W 's e 2H 's de forma geral para todas as unidades e subunidades da organização.
Alocação de recursos humanos, físicos e monetários.
Exercício de planejamento a ser feito em todos os níveis.
O horizonte de tempo para o planejamento ser em longo prazo, médio prazo, bem como em base de curto prazo

ORGANIZAÇÃO 
   A organização de um negócio exige dotá-lo de todos os insumos necessários no local e no momento em que são solicitados.
     
Com base na exigência do plano, projete a estrutura.
A estrutura resulta de:
    - identificar papéis individuais,
    - agrupamento de trabalhos,
    - integrando o esforço total e
    - estabelecer relacionamentos.
A estrutura organizacional cria um ambiente para o desempenho humano.                                              

PESSOAL 
     A contratação de pessoal é uma função perpétua que exige que os gerentes encontrem a ' pessoa certa para o trabalho certo'. Esta é uma situação dinâmica, pois as pessoas estão continuamente saindo, sendo demitidas, morrendo, promovidas e transferidas. A construção da organização humana envolve:
    Identificando a necessidade de força de trabalho.
    Inventário de pessoas disponíveis.
    Seleção e recrutamento de novas pessoas.
    Planejamento de carreiras da força de trabalho.
    Treinar e desenvolver o atual titular e seu sucessor para capacitá-los a desempenhar suas tarefas com eficiência e eficácia.
    Avaliação e promoção.
    Definir compensação.    

                                                                   
Liderança
 
A LIDERANÇA TRATA PREDOMINANTEMENTE DOS ASPECTOS INTERPESSOAIS DA ADMINISTRAÇÃO. AS OPORTUNIDADES MAIS IMPORTANTES E OS PROBLEMAS PARA OS GERENTES SURGEM DAS PESSOAS. GERENTES EFICAZES TAMBÉM PRECISAM SER LÍDERES EFICAZES. A LIDERANÇA ENVOLVE:
Comunicação- tem que ser um tráfego de mão dupla.
Liderança- é o processo de orientar e influenciar o trabalho dos subordinados.
Motivação - desperta nos trabalhadores o desejo de dar o melhor de si. É um ato de inspiração e estímulo.
A motivação pode ser tanto financeira quanto não financeira.                              

CONTROLADOR 
    ESTÁ GARANTINDO OS RESULTADOS DAS AÇÕES CONFORME OS PLANOS ADOPTADOS. ISSO ENVOLVE:
Estabeleça padrões de desempenho.
Compare o desempenho atual com os padrões.
Para qualquer desvio, tome medidas corretivas para garantir que os objetivos organizacionais sejam atendidos.
 

O PROCESSO DE GESTÃO NA PRÁTICA 

É mais fácil entender um processo, tão complexo quanto a gestão, quando ele é decomposto em partes e as relações básicas entre as partes são claramente identificadas.
Descrições desse tipo são chamadas de modelos.
Na realidade, o gerenciamento não é tão simplista quanto parece durante a discussão anterior sobre funções de gerenciamento usando modelos.        

O PROCESSO DE GESTÃO NA PRÁTICA 

O processo de gestão são as decisões contínuas e as atividades de trabalho nas quais os gerentes se engajam enquanto planejam, organizam, lideram e controlam.
Vários modelos estão mais entrelaçados do que implícitos em nosso modelo anterior.
Não existe um ponto de partida ou final simples e definitivo, pois os gerentes planejam, organizam, lideram e controlam.
À medida que os gerentes ' administram ' , muitas vezes estão envolvidos em algum planejamento, organização, liderança e controle, e talvez nem mesmo nessa ordem seqüencial.
Diferentes processos de gestão parecem se fundir como um rio contínuo.

O PROCESSO DE GESTÃO NA PRÁTICA 
A NATUREZA INTERATIVA DO PROCESSO DE GESTÃO   
PLANEJAMENTO
Definir objetivos de desempenho
E como alcançá-los. 
CONTROLADOR
Medindo o desempenho e
tomar medidas para garantir
resultados desejados sejam alcançados. 
 
ORGANIZAÇÃO
Organizar tarefas, pessoas e
outros recursos para realizar
o trabalho. 
 
 
Inspirar as pessoas a dar o seu
melhor para atingir alta
níveis de desempenho. 
 
Diferença entre gestão e administração 
Base 
Administração 
Gerenciamento 
Natureza do trabalho 
Principalmente preocupado com a determinação de objetivos e políticas principais de uma organização. 
Ele coloca as políticas e planos em ação 
Tipo de função 
Função pensante ou determinante 
É uma função de fazer ou executiva. 
Nível de autoridade 
Atividade de nível superior 
Atividade de nível médio

Tomando uma decisão 
A decisão é geralmente influenciada pela opinião pública, pensamento ou função determinante 
É um 'fazer' ou função executiva 
Função principal 
Planejamento e organização 
Motivação e controle 
Capacidade administrativa e técnica 
Precisa de capacidade administrativa em vez de técnica 
Requer habilidade técnica mais do que habilidade administrativa. 
Coordenação e controle 
Coordena finanças, produção e distribuição. Org. estrutura e exerce o controle sobre a empresa. 
Ele usa org. para o cumprimento das metas fixadas pela administração.
 
FUNÇÕES GERENCIAIS NA ORGANIZAÇÃO 
As pessoas que trabalham juntas em grupos para atingir algum objetivo devem ter papéis a desempenhar, como os papéis que os atores desempenham em um drama.
Esses papéis podem ser os únicos :
Eles se desenvolvem
São acidentais e aleatórios ou
Bem definido e estruturado por alguém para garantir que as pessoas contribuam de maneira específica para os esforços do grupo.
 
PAPEL GERENCIAL NA ORGANIZAÇÃO 
O estudo de H. Mintzberg de cinco gerentes de alto nível no trabalho desafiou vários conceitos de longa data sobre o trabalho de um gerente , como gerentes eram pensadores reflexivos, que processavam informações cuidadosa e sistematicamente antes de tomar decisões.
 
FUNÇÕES GERENCIAIS NA ORGANIZAÇÃO 
Mintzberg descobriu que:
Seus gerentes se engajaram em um grande número de atividades variadas, não padronizadas e de curta duração.
Havia pouco tempo para reflexão porque os gerentes enfrentavam interrupções constantes.
Metade das atividades do gerente durou menos de nove minutos cada.

FUNÇÕES GERENCIAIS NA ORGANIZAÇÃO 
Além dos insights acima sobre o que os gerentes faziam, Mintzberg categorizou o que os gerentes fazem com base no que os gerentes realmente fazem em seus trabalhos.
Mintzberg concluiu que os gerentes desempenham dez papéis diferentes, mas altamente inter-relacionados 
Os papéis gerenciais referem-se a categorias específicas de comportamento gerencial. 
As dez funções gerenciais de Mintzberg podem ser agrupadas como: 
1. PAPÉIS INTERPESSOAIS
1. FUNÇÕES INFORMATIVAS
2. PAPÉIS DECISIVOS


FUNÇÕES GERENCIAIS  DA MINTZBERG 1. INTERPESSOAL
 
Função 
Descrição 
Exemplos de atividades identificáveis 
Figura
cabeça 
Cabeça simbólica; obrigados a desempenhar uma série de deveres rotineiros de natureza legal ou social. 
Cumprimentar visitantes, assinar documentos legais. 
Líder 
Responsável pela motivação e ativação de subordinados, pessoal, treinamento e funções associadas. 
Realização de praticamente todas as atividades envolvendo subordinados. 
Ligação 
 
Mantém uma rede autodesenvolvida de contatos externos e informantes que fornecem favores e informações. Essas redes também são desenvolvidas e mantidas dentro da organização. 
Um gerente de vendas conferenciando em uma reunião da associação comercial de marketing. Também recebendo informações do gerente de RH da organização.
 

PAPÉIS GERENCIAIS  DA MINTZBERG 2. INFORMATIVO
Funções 
Descrição 
Exemplos de atividades identificáveis 
Monitor 
Procura e recebe uma ampla variedade de informações para desenvolver uma compreensão completa da organização e do ambiente. Torna-se o centro nervoso de informações internas e externas. 
Lendo revistas e jornais, estudando relatórios. 
Disseminador 
Atua como um 'condutor de informações' para diferentes membros da organização. Algumas informações podem exigir interpretação e integração. 
Realização de reuniões de comunicação, telefonemas para retransmissão de informações. 
Porta-voz 
Transmitir informações para forasteiros - planos, políticas, ações, resultados, etc. 
Realização de reuniões de diretoria. Entrevistas com a mídia.

PAPÉIS GERENCIAIS  DA MINTZBERG 3. DECISIONAL
 
Função 
   Descrição 
Exemplos de atividades identificáveis 
Empreendedor 
Pesquisa org. e seu ambiente para oportunidades e inicia 'projetos de capacitação' para trazer mudanças; supervisiona o desenho de certos projetos e supervisiona sua execução. 
Organização de estratégias e sessões de revisão para desenvolver novos programas 
Manipulador de distúrbios 
Responsável pela ação corretiva quando a organização enfrenta importantes distúrbios inesperados 
Organizando a estratégia e sua revisão para lidar com crises e contingências 
Alocador de recursos 
Responsável pela alocação de todos os recursos organizacionais em vigor, tomando ou aprovando todas as decisões significativas 
Agendamento, solicitação, autorização, orçamento, programação, trabalho dos subordinados 
Negociador 
Responsável por representar a organização nas principais negociações 
Participação em negociações de contratos sindicais

PAPEL GERENCIAL NA ORGANIZAÇÃO 
   AVALIAÇÃO DAS DESCOBERTAS DE MINTZBERG 
       Estudos de acompanhamento validam e apoiam as categorias de funções de Mintzberg:
1. Gerentes de todas as organizações e em todos os níveis desempenham funções semelhantes.
2. No entanto, a ênfase em diferentes papéis pode mudar com seus níveis organizacionais, por exemplo. Os papéis de figura de proa, divulgador e negociador são importantes em níveis mais altos. O papel do líder é mais importante em níveis mais baixos.
3. A maioria dos papéis de Mintzber alinha-se suavemente com as quatro funções
4. Todos os gerentes fazem algum trabalho que não é puramente gerencial.
     Mintzberg ofereceu claramente novos insights sobre o que os gerentes realmente fazem.


HABILIDADES GERENCIAIS 
Uma habilidade é a capacidade de um indivíduo de traduzir o conhecimento em ação e se manifesta no desempenho.
As pessoas podem nascer com certas habilidades, mas é muito possível desenvolvê-las por meio de treinamento e experiência adequados.
Para desempenhar suas funções com sucesso, um gerente deve possuir as três funções a seguir:
1. Habilidades conceituais,
1. Habilidades interpessoais e
2. Habilidades técnicas.


Habilidades conceituais 
A habilidade conceitual é a capacidade de pensar analiticamente e resolver problemas complexos. Envolve a capacidade de dividir os problemas em partes menores e reconhecer a influência ou as implicações de qualquer problema sobre os outros.
Os gestores são cada vez mais obrigados a lidar com problemas mais ambíguos, que têm muitas complicações e consequências a longo prazo.
A capacidade de compreender o ambiente externo e interno, conceituar as questões envolvidas direta e indiretamente e sair com uma decisão ou solução.

Habilidade de Relações Humanas 
Habilidade de relações humanas é a capacidade de trabalhar bem em cooperação com outras pessoas em todos os níveis.
Essa habilidade desenvolve no gerente uma habilidade:
1. Reconhecer os sentimentos e sentimentos dos outros,
1. Antecipar e julgar o resultado das várias ações previstas.
2. Examinar seus próprios conceitos e valores que podem capacitá-lo a desenvolver atitudes corretas

------
Publicidade

Diferença entre gestão e organização 

Gerenciamento  Organização 
1) É a função executiva que se preocupa principalmente com fazer as coisas através dos outros. 
É a função orgânica de colocar em funcionamento as diferentes partes de uma empresa. 
2) Planejamento, organização, pessoal, motivação, direção, coordenação e controle são funções da administração. 
A organização é uma das funções importantes da administração. 
3) As funções de gestão são executadas ao criar uma organização. 
Organização é estrutura ou edifício de gestão.


Conceitos de gestão


Habilidades técnicas 

Uma habilidade técnica é a capacidade de usar uma proficiência ou experiência especial em seu trabalho.
Engenheiros, médicos, alfaiates, contadores, pesquisadores de mercado, por exemplo, possuem habilidades técnicas.
As habilidades técnicas podem ser adquiridas inicialmente através da educação formal e são desenvolvidas posteriormente por treinamento e experiência.

Habilidade – mix em diferentes níveis de gestão. 
 
    Nível inferior Nível médio Nível superior
    gerentes gerentes gerentes 
 
Habilidades conceituais - a capacidade de pensar analiticamente e alcançar
integrador
Solução de problemas. 
 
Habilidades humanas - a capacidade de trabalhar bem em cooperação com outras pessoas 
Habilidades técnicas - a capacidade de aplicar conhecimentos e realizar
Tarefas especiais com proficiência


Ref.:

Kaamini Sharma

 
Sobre | Termos de Uso | Politica de Cookies | Politica de Privacidade

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3:16

-->